Querida eu mesma...

25.3.15


Não se assuste se eu disser que sou você, que você é eu. Complicado. Digamos que eu sou você um pouco mais esticada, um pouco mais magra, um pouco mais cega e um pouco mais chata. Talvez eu seja muito pouco de você, mas sou quem você gostaria que eu fosse. Vim aqui pra te dizer algumas coisas que você precisa saber sobre nossas vidas. Espero que goste, ou que pelo menos não me odeie muito.

Vou começar pelas coisas pequenas, ok?Pare de montar essa casa da Barbie, você vai jogar tudo fora. Impressionante como você gosta de juntar quinquilharias, mas do dia pra noite não vai saber nem onde as guardou e nem se importar com isso. Ah, achei até engraçado qundo percebi que estava me importando menos com essas coisas fúteis, rs. Faça logo um exame de vista, você é míope, garota! Passamos por uns perregues na escola, mas não foi nada demais (na hora foi, amiga!). Ano de vestibular é bem complicado, voc~e passou em três cursos diferentes e escolheu Direito numa universidade particular. Fazer o que, né? Papai sonha com uma filha doutora. A faculdade é um lugar muito bom onde mil zueiras acontecem e você está em quase todas haha.

Bem, agora vamos para as partes sérias. É até engraçado ter que te contar essas coisas porque juramos um dia nunca fazermos isso. Lembra quando vovó dizia "Nunca diga: dessa água nunca beberei" e nós repetíamos isso pra provocar? Então, bebemos muito dessa água. Bebemos tanto que mais parece que estávamos sedentas no deserto. Espero que esteja sentada pra ler isso. Você se apaixonou, aham, duas vezes. Não existe essa que só se ama uma vez na vida, todos temos pequenos amores que não duram mas que nos faz sentir borboletas no estômago. Aconteceu tudo muito cedo, então não nos saimos muito bem nessa tarefa. Nada bem, na verdade. Mas não se desespere com as noites de choro que parecem não acabar nunca, elas vão acabar sim. 

Não adiantou termos jurados que isso de amor não existe, que é besteira e que nunca choraríamos por um homem. Tudo papo furado, Ju! Essa pose de marrenta vai logo se desfazer quando ele sorrir pra você. Vai ser bom e ruim, do tipo que eu definiria como: valeu o estrago que fez. Vivemos tantas coisas inimagináveis que não adiantaria tentar descrever aqui, você não acreditaria em mim.

No mais, não lhe aconselho a tentar evitar o que lhe falei. A graça vai ser viver tudo isso, quebrar a cara, se decepcionar e estar aqui te escrevendo essa carta cheia de orgulho do que fez. Não se arrependa de nada, porque eu mesma não me arrependo. 

Boa sorte com a rinite, tchau. 

Que tal esses?

10 comentários

  1. Que texto mais fofo o teu,aposto que a criança que você foi se sentiria orgulhosa da pessoa que você está se tornando. =)

    Blog Profano Feminino

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. ainn obrigada! Seu comentário fez meu dia mais feliz ♥

      Excluir
  2. Que coisa mais lindaa... Quando a gente olha pra trás e consegue ver o caminho que trilhou pra poder chegar onde chegou ficamos orgulhosas demais *-*

    Adorei essa parte "Faça logo um exame de vista, você é míope," kkkkk
    Meu blog : http://entre-nos-picio.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ficamos orgulhosas e satisfeitas dms!!
      kkk que bom que gostou, obrigada querida :*

      Excluir
  3. rsr! Ficou muito fofo!!! arrasou flor! =D
    uma linda Carta!

    Pensamentos Valem Ouro

    ResponderExcluir
  4. Imaginando a mini-Ju falando com a não tão mini-Ju kkkkk adorei o texto! Bem isso mesmo, os erros são de fato necessários para nos tornarmos pessoas melhores. Tu arrasa fia, blogueira favorita ever

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hahaha obrigada amiga ♥ tô longe de ser uma blogueira favorita ever

      Excluir
  5. li tudo com brilho nos olhos, ai chega no final " Boa sorte com a rinite" kkkkkkkkkkkk adoreeeei.

    http://cordiformesse.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Google +

Facebook

Quote #1

"Devemos sempre acreditar que, por mais difícil que seja, lutar por aquilo que queremos não é perda de tempo."

- Anne Ferreira